As cortinas podem ser usadas para bloquear total ou parcialmente a passagem de luz, dando um toque diferenciado a sua decoração. Existem vários tipos e os modelos variam entre os mais tradicionais e os mais modernos e inovadores. Raramente encontramos uma casa sem cortinas, e não é raro também, termos muitas dúvidas em relação ao […]

As cortinas podem ser usadas para bloquear total ou parcialmente a passagem de luz, dando um toque diferenciado a sua decoração. Existem vários tipos e os modelos variam entre os mais tradicionais e os mais modernos e inovadores.

Raramente encontramos uma casa sem cortinas, e não é raro também, termos muitas dúvidas em relação ao uso adequado dos vários tipos que encontramos nas lojas: Curta ou longa? Clara ou escura? Lisa ou estampada? Com isso, juntamos algumas dicas para você escolher a cortina ideal para seu ambiente.

Cores e estampas

3148927b78788797ef10be1acbc8f658

– Cortinas com cores escuros devem ser evitadas em janelas onde o índice de luz solar seja intenso, pois elas podem reter calor e aumentar a temperatura do ambiente.

– Cortinas estampadas se usada de forma correta podem ser um dos pontos fortes do ambiente e casar harmonicamente com a decoração. Porém, ela deve ter as mesmas cores da paleta usada para o local.

– Se você quer uma cortina estampada mais vistosa, com cores fortes ou mesmo com estampas diferentes, o ideal é que ela seja usada em um cômodo grande.

– Tons neutros dão liberdade e facilitam na hora de ambientar um cenário com elementos coloridos. Hoje em dia, são os as opções mais utilizadas.

Tecidos

cc8f5ebc2defdaf6fb552909890d1de2

– Em ambientes com visual clássico, moderno ou despojado, aposte em tecidos leves para criar composições atuais e ecléticas.

– Para aquecer o ambiente opte por cortinas confeccionadas com tecidos mais pesados ou com sobreposições

– Para compor o xale da cortina, que é a parte superior drapeada, é indicado usar tecidos encorpados.

– Quer tem privacidade sem perder a luminosidade? Opte por tecidos leves na hora de compor sua cortina.

– Para bloquear a entrada de luz externa ou promover o isolamento acústico no ambiente, invista em cortina blackout.

– Na hora de comprar sua cortina, preste atenção se o tecido é pré-lavado ou possui uma porcentagem de encolhimento, para não encolher na lavagem em casa.

– Preveja sempre que a cortina seja maior que a janela, pelo menos entre 10 e 20 centímetros, não só de cada lado como também acima e abaixo da janela.

Evite

cortina-na-decoração

– Evite o uso de cortinas na janela do banheiro, pois elas podem mofar com a umidade. Caso seja indispensável, opte sempre por persianas em PVC – indicada também para a cozinha.

– Modelos de cortinas curto evite usa-los. Combinam apenas em quartos infantis, pela atmosfera descontraída, ou ambiente onde exista uma bancada ou móvel abaixo da janela.

Por fim, é preciso prestar atenção no ambiente onde essa cortina será instalada. Pois, ele é o ponto de partida para que a decoração fique em harmonia com a mesma.

Olá visitante, que tal deixar um comentário?