Em meio a tantas opções de cores, tamanhos, formatos, materiais e preços, escolher tapetes para casa é tarefa difícil.

Em meio a tantas opções de cores, tamanhos, formatos, materiais e preços, escolher tapetes para casa é tarefa difícil.
O tapete tem o objetivo de trazer charme e aconchego ao ambiente e errar na escolha pode comprometer no resultado final da decoração. Mas a missão de acertar não é missão impossível e alguns truques ajudam na hora de decidir sem arrependimentos depois.
Uma dica importante é deixar a escolha do tapete para o final do projeto de ambientação. Isso porque, na hora de decidir, é preciso saber o tamanho do espaço e a disposição dos móveis.
Abaixo separamos algumas dicas para lhe ajudar nessa escolha.

Tamanho ideal do tapete para a sala de estar

Quanto maior, melhor! O tapete deve ter uma dimensão que permita colocar todos os móveis do ambiente sobre ele: sofás, poltronas e mesas laterais. Se, por questões econômicas, isso não for possível, o ideal é que o tapete avance 30cm para baixo do sofá.

Como escolher a cor do tapete?

Quanto à cor, o ideal é seguir a paleta usada no ambiente. Pode ser um tom a mais do piso ou um a menos para se destacar. Se o objetivo é dar destaque para o item, a ousadia está mais do que liberada.
Tapetes coloridos podem ganhar evidência e destaque em ambientes monocromáticos.

Misturar dois tapetes estampados, pode?

É possível misturar dois tapetes estampados em um único ambiente, desde que o matiz seja o mesmo. Porém, é um pouco difícil combinar tapetes muito modernos com clássicos.
Uma combinação super moderna e sofisticada é um tapete listrado e outro floral. Se achar a combinação ousada, opte por um modelo estampado e um liso num dos tons de destaque do estampado. Atualmente, usa-se muito a opção de um único tapete que ocupe as salas de jantar e estar. Essa é a tendência.

Quando usar tapetes redondos?

É recomendo usar tapetes redondos em lugares mais descontraídos, como: quarto de crianças e hall de entrada. Em ambientes formais, de linhas retas, pode-se usá-los também para quebrar a seriedade.

Tapete no quarto

Muitas pessoas têm dúvidas sobre usar tapete inteiro no quarto ou passadeira ao lado da cama. O correto é usar um modelo inteiro, que tenha início no criado-mudo e se estende até o final da cama. Também é possível confeccionar um modelo em“ U” para abranger as laterais e a frente da cama. As passadeiras são indicadas em último caso e podem-se usá-las desde que fiquem proporcionais à frente dos criados-mudos.

Tapete sob a mesa de jantar

O ideal é cada borda ter 1 m a mais do que a área ocupada pela mesa. Você precisa ter espaço para arrastar as cadeiras sem que elas enrosquem no tapete.
Os formatos quadrados combinados com tampos redondos e quadrados. Já os retangulares se harmonizam melhor com móveis retangulares e ovais.
Um detalhe importe é que esse tapete, sob a mesa de jantar, seja de material resistentes a lavagens frequentes, como os de pura lã e o 100%.

Tapetes pêludos

Os modelos mais peludos caem bem em espaços contemporâneos.  Eles agradam em locais onde as pessoas ficam descalças, como o home theater e o quarto.

Por fim, aposte em tons e modelos que possam valorizar o ambiente. O resultado é uma composição harmônica, com um movimento visual bem agradável.

Olá visitante, que tal deixar um comentário?